quarta-feira, 2 de maio de 2012

Pássaro Ferido





É tão triste deixar o que faz parte de nós.

É tão triste viver de pedaços que faltam, de momentos que faltam, de sonhos que não voltam e de fins de tarde que não entendem.

É tão triste viver de palavras que ecoam em nuvens, de olhos que habitam portas e de bocas que se perderam para sempre. E viver ausente...

É tão triste encerrar a alegria nas copas das árvores antigas, que um dia abraçaram...

É tão triste deixar, deixar, deixar o que não se vai.

É tão triste a gelidez de ir embora, e se despedir do amor como um estranho que apenas passava. E que não nos amava.

Eu sentirei falta e frio como quem busca o fogo na noite vadia. Haverá noites de gelar...

Eu serei outra. Eu serei triste, às vezes. E recolherei minhas lágrimas, ainda que não caiam, em mãos de anjos que tentarei afagar.

Eu sei, irei chorar um pouco mais...

E serei como pássaro ferido que insiste em voar.

E voarei sempre ao mesmo lugar...

Paz. E infinita saudade.


Leila Krüger. 2012.

7 comentários:

  1. Amo seus textos, me indetifico muito com eles e algumas vz parece que vc fala de mim, mesmo sem me conhecer. Isso é um talento, é um dom, e tanto o talento quanto o dom esta em ter tato e ousadia para tratar de assuntos que são tão intimos e tão publicos, tão nosso e tão de todos. Que DEUS te abençõe, que te supreenda com bençãos incontaveis...

    ResponderExcluir
  2. "Amar com palavras é fácil. Difícil é amar além delas."

    Realmente, é difícil amarmos além das palavras....bjs

    ResponderExcluir
  3. nossa que liiiindoooo!
    Parabéns!!!!!
    Seu blog é maravilhoso.
    Tenha um ótimo diaaa.

    ResponderExcluir
  4. Olá Leila!Muito bom o que escreve,adorei essa postagem.Desejo que logo logo seu blog atinja os 700 seguidores e tenho certeza que seu livro é muito bom.Qdo der vá ao meu blog ,será um prazer ouvir sua opinião sobre o que escrevo.Bjos e muito sucesso!
    www.letradinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Leila, Bom diaaa!
    Eu destino esse poema "Te vivo" para uma pessoa que é muito especial p mim, o pai do meu filho...nós somos mais ou menos assim, como na música...A gente não precisa tá colado pra tá junto rsrs..
    Bjs e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  6. Olá, parabéns pelo post e pelo blog.
    Te convido a conhecer o meu,
    http://carmasepalavras.blogspot.com/

    ;)

    ResponderExcluir
  7. Adoreii! amo seu livro e seus textos, queria agradecer por me inspirar, pois escrevo textos em meu diário e muitos deles vem de textos seus que me inspiraram. Vc esta de parabéns! ;D

    ResponderExcluir